The Truth's For Sale

Fahrenheit 451

Posted in Jornalismo, Literatura by Carlos Hentges on 26/02/2009

Fahrenheit 451 foi escrito por Ray Bradbury e publicado originalmente em 1953. A obra trata da disposição da sociedade para eliminar os livros e seus efeitos sobre os cidadãos. Trata-se de uma distopia. A obra é complexa demais para o breve comentário que pretendo fazer aqui. Interessa, no momento, uma passagem a respeito da decadência social no ambiente fictício proposto pelo autor.

Em uma das passagens, o Capitão Beatty explica a Montag, o protagonista, que o lento e inexorável rebaixamento da literatura se deu para que as letras deixassem de ofender as pessoas. Uma obra era proibida para não atacar os homossexuais. Outra, por defender o ponto de vista dos heterossexuais. Uma terceira, porque ofendia determinada religião ou credo. E assim por diante, até sua total supressão.

Por que disso tudo? Porque hoje li isso, e me chamou atenção como previsões feitas há mais de cinqüenta anos podem concretizar-se se não dermos atenção aos indícios de seu avanço.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: