The Truth's For Sale

Castelo Falkenstein II – Um Pedido de Ajuda

Posted in Castelo Falkenstein, RPG by Carlos Hentges on 24/09/2008

Pois foi através de um singelo bilhete que a mão invisível do destino deu a sua primeira pincelada para transformar completamente a existência desses dois admiráveis cavalheiros.

Assinado pelo Sr. Phillippe Gaston, vice-cônsul da Embaixada Francesa na Cidade do Cairo, a nota solicitava um breve encontro, ali mesmo, nas dependências do Grande Hotel Continental. De certo, a indelicadeza fruto da urgência em breve se poria em ordem, pensaram quase ao mesmo tempo os Srs. Crumb e Lector.

Magro e janota, a primeira impressão causada pelo Sr. Gaston é que a elegância de seus trajes bem cuidados revelam, mais do que distinção, uma obsessão pelo detalhe, pelo esmero e pela organização. Após as apresentações, sem muitos salamaleques, ele expõe o tema do convescote.

Fora indicado por um amigo comum, Sir Sebastian Thomas, que afirmou que os visitantes poderiam demonstrar interesse pelo terrível caso que lhe caíra sobre o colo, ou a cabeça, ou qualquer outra parte vulnerável do corpo onde os estragos causam considerável inconveniente.

Pois bem, Jaqueline, filha única de Armand, Conde de Vandôme, estava desaparecida!

O nobre francês, notório morador da Cidade do Cairo, há um mês procurava pela jovem, cujo último destino conhecido era o distrito comercial de Wasa. Até então, as buscas tinha sido infrutíferas – a própria polícia fechou o caso após concluir que Jaqueline fugira com seu guia, um jovem de nome Emil. Obviamente, Lorde de Vandôme repudiava essa hipótese – não, sua filha não faria isso.

Depois da decisão da Polícia do Cairo, o Lorde de Vandôme recorreu à Embaixada Francesa, que se viu impossibilitada de agir devido às questões políticas envolvidas – não seriam os franceses que diriam o que os egípcios deveriam fazer ou deixar de fazer. Esse tempo há muito se foi.

Portanto, a única solução seria uma ação discreta conduzida pelas pessoas certas. Alguém com a inteligência e a diligência necessárias para portar-se convenientemente mesmo diante de eventuais rusgas com rufiões, afinal, o Conde tinha certeza de que sua filha era cativa. Descobrir a súcia responsável e resgatar a donzela era uma empreitada urgente.

Indubitavelmente, um trabalho para os Srs. Lector e Crumb.

Anfitrião: Carlos Hentges
Personagens Dramáticos:
Sr. Hannibal Lector – Brunetto
Sr. Robert Crumb – Luiz

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: